faz de conta que o que é, é!... avança o peão de rei.

...
o mistério difícil
em que ninguém repara
das rosas cansadas do dia a dia.

José Gomes Ferreira

Brel, sempre e eu... j'arrive!

Loading...

domingo, 15 de novembro de 2009

Elo-cubrações, com-vocações, &vocações


1. Às vezes, mas só às vezes..., tenho a sensação que a corrente saltou da roda dentada e que estou a pedalar em vão… só para dar às pernas!

2. Não sei nada!
Sei, apenas, que deixei passar a oportun(a)idade de hoje saber o que, hoje, sei que não sei.
Mas não desisto!
Há que aprender, aprender, aprender sempre. Até ao fim dos nossos saberes!

2 comentários:

Justine disse...

1. ou que se rema contra a maré...

2. A única atitude correcta: aprender sempre!

GR disse...

Enquanto eu/nós te seguirmos, a corrente está rigorosamente bem colocada e vamos no caminho certo. Aprendendo, aprendendo, aprendendo sempre!

Bjs,

GR