faz de conta que o que é, é!... avança o peão de rei.

...
o mistério difícil
em que ninguém repara
das rosas cansadas do dia a dia.

José Gomes Ferreira

Brel, sempre e eu... j'arrive!

Loading...

sexta-feira, 21 de janeiro de 2011

21 de Janeiro de 1898

Nesta casa
Neste quarto (sem aquecimento e sem quadros de Álvaro Cunhal nas paredes)


Uns quarenta anos depois...

5 comentários:

Justine disse...

A casa continua a recordá-lo através de ti!
Um beijo

Maria disse...

Abraço-te.

Anónimo disse...

Que menininho táo bonito com uma boina basca na cabeça!

Campaniça

Jorge Manuel G disse...

Uma casa muito acolhedora!
Os seus donos também.
Parabéns pelo bom gosto!

Um abraço desde Vila do Conde,

Jorge

GR disse...

E a Casa continua cheia de cor, de sentimento. A Casa continua Viva!

Bjs,

GR