faz de conta que o que é, é!... avança o peão de rei.

...
o mistério difícil
em que ninguém repara
das rosas cansadas do dia a dia.

José Gomes Ferreira

Brel, sempre e eu... j'arrive!

Loading...

sábado, 20 de fevereiro de 2010

Sou assim...

Pronto!
Sou assim.
Para ganhar (nem que ganhos fossem...)
mais uns tostões, contos, ou euros
não vou desperdiçar horas da minha vida.
As horas de vida não são contabilizáveis,
dispensam técnicos oficiais de contas,
e são a única coisa que temos.
Ah! e quantos o esqueceram,
ou nunca o souberam...

5 comentários:

Maria disse...

Que bonito! Que verdade!
Posso levá-lo para lá? Para que outras pessoas se dêem conta....

Um abraço.

Justine disse...

Quando todos puderem dizer o mesmo!

Sérgio Ribeiro disse...

Maria - Se podes levar o que escrevi? É teu! Obrigado pelo que fizeres com o escrito. Diz-me que valeu a pena o que fiz assim... como quem espirra.
Justine - Que alguns, muitos, o digam e façam

mdsol disse...

É bonito sim senhor!

:))))

GR disse...

És assim e muito bem!
Gostei muito e és mesmo assim, quem dera que tantos outros fossem como tu:

Gd Bj,

GR