faz de conta que o que é, é!... avança o peão de rei.

...
o mistério difícil
em que ninguém repara
das rosas cansadas do dia a dia.

José Gomes Ferreira

Brel, sempre e eu... j'arrive!

Loading...

segunda-feira, 23 de novembro de 2015

Tivesse eu...


  



TIVESSE EU…


Tivesse eu sonhado
Tivesse eu adivinhado
Tivesse eu querido
Tivesse eu sabido
Tivesse eu podido
Oh!, tivesse eu sido
… mas apenas sou!
Apenas sou o que sonhei
O que adivinhei
O que quis
O que soube
O que fiz
… ou o que ajudei a ser feito
E dou-me por satisfeito
Vivi!
E vivo estou…
(empedernido… mas vivo!)

S.R
(publicado 
- e muito elogiado, apesar de mal paginado -.
no boletim nº4 da USO)

1 comentário:

Justine disse...

Merecidos os elogios!