faz de conta que o que é, é!... avança o peão de rei.

...
o mistério difícil
em que ninguém repara
das rosas cansadas do dia a dia.

José Gomes Ferreira

sábado, 17 de abril de 2021

Quantos dia PAbril - 17

17)     “Lágrima de Preta” – Manuel Freire, o cantautor da Pedra Filosofal, a cantar sobre outro poema de António Gedeão/ música de José Niza…Já anteriormente, em 1970, Adriano Correia de Oliveira cantara estes versos. Uma canção sobre mensagem/poema de igualdade, por um professor de Físico-Química...

Em 1956, Rómulo Vasco da Gama de Carvalho tem 50 anos e publica, com o pseudónimo de António Gedeão, o seu primeiro livro de poesia, "Movimento perpétuo". A sua poesia entranha-se de forma natural, com uma facilidade e beleza ímpares. Não é de estranhar que boa parte da sua obra poética esteja musicada, e por grandes nomes da música portuguesa. A "Pedra Filosofal", celebrizada pela versão de Manuel Freire é exemplo disso mesmo.

                                   Partilhem, comentem, critiquem.

Gabriel Lagarto

 


Manuel Freire/ao vivo

https://


www.youtube.com/watch?v=v2AXsH_miaQ


Uma animação tuga...


https://www.youtube.com/watch?v=lR3ho-ptqy0

 

Versão de Duarte Mendes

https:/


/www.youtube.com/watch?v=5FYLyNyo9fM

 

Versão do Bonga

https://


www.youtube.com/watch?v=q3njTN3LfAI

 

sexta-feira, 16 de abril de 2021

Quantos dias PAbril? - 16

 16) "Velha Chica" - Waldemar Bastos; várias versões, por diversos autores. Cantada entre amigos antes da Independência de Angola. Publicamente,  só depois.

Waldemar dos Santos Alonso de Almeida Bastos é um cantautor angolano que nasceu na província do Zaire, em janeiro de 1954. Após a independência deste país em 1975, rumou a Portugal para escapar à guerra civil. Waldemar Bastos considerava a sua música um reflexo da sua própria história e das experiências que a compõem. Trabalhou com nomes como Chico Buarque, Dulce Pontes, David Byrne, Arto Lindsay e Ryuichi Sakamoto, entre outros, com a Orquestra Gulbenkian, a London Symphony Orchestra e a Brazilian Symphony Orchestra. Tinha os Bee Gees e Carlos Santana como referências. Em 2001, foi o único intérprete não fadista a cantar na cerimónia de trasladação de Amália Rodrigues para o Panteão Nacional, em Lisboa. 

Faleceu aos 66 anos em Lisboa, no ano passado.

 

"qual era a razão daquela pobreza, daquele nosso sofrimento? Xé menino, não fala política"

" somente fez uma cubata com teto de zinco"

"Xé menino, quando morrer, quero ver Angola e o Mundo em paz!"   ou

"Xé menino, posso morrer, já vi  Angola independente"

                                    Partilhem, comentem, critiquem.

Gabriel Lagarto

Duas arrepiantes versões:

https://www.youtube.com/watch?v=Kl8mLhXyGis


 https://
www.youtube.com/watch?v=QR19CA6WXRk



quinta-feira, 15 de abril de 2021

Quantos dias PAbril - 15

 15) "Um Português"- Linda de Suza; mais conhecida como "Mala de Cartão"... Linda de Suza nasceu em Beringel, uma pequena aldeia do Alentejo no distrito de Beja, mas foi em Paris, para onde emigrou em 1970, depois de ter pedido para cantar no restaurante Chez Louisette, que ganhou fama. Um dos clientes, André Pascal, encantado com a sua voz, levou-a até Claude Carrère, o produtor musical que viria a produzir "Un portugais" e "Um português", a canção que rapidamente se tornaria no hino dos emigrantes nacionais.Teolinda de Sousa Lança, aliás Linda de Suza, fez a história da maioria dos portugueses não burgueses em França: bidonvilles, lama, tenacidade, amores desencontrados, dificuldades, ordens acatadas, muito andar e pouco assentar, sonhos, ilusões e utopias. 

Vendeu mais de 2 milhões(!) de discos esta canção lançada em 1978, já os cravos esvoaçavam e se emigrava de outras formas...

 

                            Partilhem, comentem, critiquem.

Gabriel Lagarto

 


 

Em Tuga

https://www.youtube.co


m/watch?v=0LT1d55az6o

 

 

 

Em Francês

https://www.youtube.com/watch?v=rBOqNbQ2JkI

 

quarta-feira, 14 de abril de 2021

Quantos dias PAbril - 14

 

14)     “Domingo em Bidonville” – Quarteto 1111; ode à emigração, saudade e condição de vida do emigrante…

 Em 1970 gravam o primeiro LP, simplesmente intitulado "Quarteto 1111, constituído por canções com conteúdos anti racistas e contra a emigração, teve quase todas as canções censuradas e chegou a ser retirado do mercado. Uma canção com cheiro a Saudade...

Também  nos idos 70, José Barata Moura cantava sobre os famosos Bidonville, locais de acolhimento de portugueses emigrados por terras de França...

 

 

"Quando ouço o comboio a apitar

que saudades

de voltar"

                                                                                                   

                                               Partilhem, comentem, critiquem.

Gabriel Lagarto

 


 

https://www.youtube.com/


watch?v=8LtNJxFDnaw

 

terça-feira, 13 de abril de 2021

Quantos dias PAbril? - 13

 

13)    “Trova do Vento que passa” – Adriano Correia de Oliveira/ poema de Manuel Alegre, que a par de Zeca Afonso, em Coimbra, foram figuras de proa e dos principais agitadores do mundo académico contra a ditadura. A 'Trova do Vento que Passa' manifestou-se como um hino da luta estudantil, agregando a vontade de insurgimento e insubordinação. Lançada em 1963.  Dono de uma voz possante e requintada, Adriano foi um dos grandes renovadores da canção de Coimbra.

Mesmo na noite mais triste, em tempo de servidão, há sempre alguém que resiste, há sempre alguém que diz não

 

 

                                      Partilhem, comentem, critiquem.

Gabriel Lagarto

 




ttps://www.youtube.com/watch?v=HmpWZmQOdA8

segunda-feira, 12 de abril de 2021

Quantos dias PAbril? - 12

   12) "Fala do Homem Nascido” – Samuel/ Adriano Correia de Oliveira, sobre grande poema de António Gedeão (música de José Niza).  Surgiu no álbum de Adriano Correia de Oliveira, “Cantaremos”, de 1970. Também aparecem outras interpretações, tais como a de Samuel; do álbum "Fala do Homem Nascido" (1972), Poemas de António Gedeão. Música de José Niza.

Com pérolas destas:

“Que eu nem sequer fui ouvido no acto de que nasci”;

“As forças da Natureza nunca ninguém as venceu”;

“Com licença, com licença… com rumo à Estrela Polar“

 

 

                                        Partilhem, comentem, critiquem.

Gabriel Lagarto

 


Canção

https://www.youtube.com/watch?v=


MS2SU3qrAfA

 

Poema:

https://www.youtube.com/w

atch?v=GStEeYbkjHA

domingo, 11 de abril de 2021

Quantos dias PAbril? - 11 Dias Coelho

 11)    A Morte saiu à rua” – José Afonso; relata o ocorrido com o artista José Dias Coelho (companheiro de Margarida Tengarrinha), assassinado pela PIDE, no dia 19 de Dezembro de 1961, no Bairro de Alcântara, quando se ia encontrar com o camarada da resistência antifascista , Sérgio Ribeiro, militante do PCP. José Dias Coelho, com grande historial de luta antifascista, foi demitido quando era professor do Ensino Técnico, expulso da Escola de Belas Artes e esteve preso no Aljube. Já na clandestinidade, realizou desenhos, ilustrações e cabeçalhos para “Voz das Camaradas” e “Avante!”.

      O seu camarada de luta Sérgio Ribeiro, libertado nos dias seguintes ao 25 de Abril de 74, da prisão de Caxias, recorda-o sempre, nas suas inúmeras alocuções sobre as lutas antifascistas que integraram. Sérgio Ribeiro é economista, e foi ao longo da sua extensa carreira, professor universitário, eurodeputado e deputado na Assembleia da República.

A antiga rua da Creche, onde o crime teve lugar, é hoje a Rua José Dias Coelho. O seu assassino foi julgado e condenado após o 25 de Abril, tendo como atenuantes os “louvores” na sua folha de serviço (como PIDE…). 3 anos e 6 meses, já em democracia… Após recurso da defesa, passou para 7anos. Terá tido António Domingues, o PIDE condenado, natural de Gave, Melgaço, um sono repousado?

 

                                   Partilhem, comentem, critiquem.

Gabriel Lagarto

 


"O pintor morreu..."

 

https://www.youtube.co

m/watch?v=5IAlrXheQ7I

sábado, 10 de abril de 2021

Quantos dias PAbril? - 10

 10)    “Que força é essa” - Sérgio Godinho, de álbum de 72, "Os Sobreviventes", sobre exploração e subjugação—do homem pelo homem…O conteúdo político de muitas das letras – sem nunca cair no mero panfleto – levou a que o disco tenha sido retirado das lojas, empurrando-o para o circuito clandestino, 3 dias depois da sua edição...Contou com uma (ou duas...) mão (s) do amigo José Mário Branco.

 "Que força é essa Amigo?

Que te põe de bem com outros

E de mal contigo?"

 

                                  Partilhem, comentem, critiquem.

Gabriel Lagarto

https://www.youtube.com/watch?v=CW-435ahx2w


sexta-feira, 9 de abril de 2021

Quantos dias PAbril? - 9

 9)     “Cantar Alentejano”-  José Afonso;  por vezes erradamente intitulada de “Catarina Eufémia”, relata o que se passou em Baleizão, terra do Baixo Alentejo… A morte da camponesa Catarina por um soldado da GNR, de seu nome Carrajola, em 19 de maio de 1954. Um assassino condecorado pelos "Serviços à pátria", Cavaleiro da Ordem de Avis. Por terras de Baleizão, está o seu túmulo, e assinalado o local onde a tragédia teve lugar. Uma das suas filhas, de seu nome Catarina, ainda reside em Baleizão. Segundo consta, esta canção foi  gravada por José Afonso ao primeiro Take no estúdio, em Paris,  em 1971. Simplesmente MAGISTRAL.

"Quem viu morrer Catarina, não perdoa a quem matou"

                                                   Partilhem, comentem, critiquem.

Gabriel Lagarto


https://www.youtube.com/watch?v=IUH9IJD4414




quinta-feira, 8 de abril de 2021

Quantos dias PAbril? - 8

 

8)    “Grande Grande era a Cidade” – José Jorge Letria, letra e música de José Jorge Letria, em 1972, com arranjos de José Mário Branco. Um dos civis que estava a par dos movimentações de 25 de abril de 74. Atualmente, mais conhecido pelo seu trabalho como escritor, tem imensa obra musical. Esta canção faz parte do álbum  "Até ao Pescoço". Foi a ilustração de lançamento desta saga "FALTA MUITO PABRIL? 25 CANÇÕES ILUSTRADAS!"..."Onde mora a Liberdade?"  

"...Temos principalmente uma cidade para vencer aqui mesmo pela frente..."

                                              Partilhem, comentem, critiquem.

Gabriel Lagarto

 


https://www.youtube.com/watch?


v=EAYdIDE-WVs